25 junho 2011

Chamaeleonidae

       Ficou tão pálida, ao ver o marido, pela janela, que quase se camuflou na parede, branca, atrás de si.
      Não fosse o enorme retrato, da lua de mel, em Paris, pendurado, passaria quase imperceptível, sendo difícil distinguir o corpo, nu, da parede.
          O amante, ao contrário, camuflou-se, e muito bem, debaixo da cama, deitado, no carpete marroquino, preto.

Isaac Ruy

2 comentários:

  1. hahahahha
    vai saber... BEGE!
    HAHAHAHA Se camuflou entre os GALHOS da árvore...

    ResponderExcluir